Contabilidade Consultiva

Por que é tão importante definir objetivos e metas para seu escritório contábil?

05 jan

Definir objetivos e metas para o escritório contábil é uma das maiores dificuldades de um empreendedor. Essa tarefa, que integra o planejamento de todo o negócio, aborda um aspecto muito pessoal, que é o propósito daquele profissional na Contabilidade. Na verdade, é algo que deriva inclusive da sua missão e de seus valores. Não pode existir objetivos e metas que contrariam a essência de seu escritório contábil.

Estratégias de marketing digital para você aplicar em seu escritório contábil

Neste kit, você encontrará métodos que te ajudarão a vender seus serviços contábeis. Desde o Marketing Digital (emails e redes sociais) até métodos de proposta!

O que você deseja realizar? Quais são seus maiores sonhos profissionais, que fazem você levantar diariamente para conquistar algo mais? Apesar dos desafios de definir objetivos e metas para o escritório contábil, você precisa fazer isso. E nós apresentamos a seguir alguns motivos para essa definição.

Acompanhe!

O que são objetivos e metas?

Definir objetivos e metas é fundamental para seu escritório contábil. Mas qual a diferença entre eles? Muitas pessoas tomam as duas palavras como idênticas, mas de maneira equivocada.

Traçar um objetivo é ter um ponto de chegada. Uma espécie de sonho, algo que você quer realizar e que está alinhado com seu propósito. Especializar-se e atuar na Contabilidade Consultiva, fazer um MBA, aumentar a área de atuação do escritório, fazer o site do escritório contábil crescer em 2021. Todos esses são exemplos de objetivos.

Traçar uma meta é quantificar seu objetivo, delimitando quando e como você o alcançará. Metas são mais específicas que objetivos. Algumas metas que você poderia traçar para alcançar o objetivo de se especializar e atuar na Contabilidade Consultiva são: 

  1. Fazer o curso online gratuito sobre os passos para se tornar um Contador Consultor em março de 2021;
  2. Fazer o curso sobre metodologia da Contabilidade Consultiva na Universidade Nucont em junho de 2021, no valor de R $1.380,00. 
  3. Adotar a tecnologia da Nucont para aplicar a Contabilidade Consultiva com meus clientes em agosto de 2022.

Perceba que, para estipular as metas, você deve focar no destino. Por isso, você deve sempre se perguntar o que você quer atingir, quais as ações necessárias para alcançar seu objetivo e, também, qual é o retorno financeiro esperado. Para verificar se você realmente está no caminho correto, você pode estabelecer Key Results (resultados-chave), um conjunto de duas a cinco métricas que comprovam que você está atingindo seu objetivo.

Os Key Results são mais facilmente explicados com o objetivo de fazer o site do escritório contábil crescer. Aumento de tráfego no site de segunda a sexta, maior engajamento nos posts e outras métricas são bons exemplos de resultados-chave.

Por que é importante definir objetivos e metas para seu escritório contábil?

Por que é importante definir objetivos e metas para seu escritório contábil?

Definir objetivos e metas para seu escritório contábil é fundamental para você e para sua equipe. Ter um ponto de chegada é o primeiro passo para conseguir traçar ações. Para quem não possui direção, qualquer direção vale. Só que isso não leva a lugar algum quando se trata de mundo corporativo. 

É preciso ter sonhos e propósitos, definir objetivos e metas para alcançá-los. Isso motiva todas as pessoas do escritório a realizar suas atividades diárias. Mas não é somente dar propósito às ações e à própria existência humana. 

Veja a seguir os motivos para definir objetivos e metas para seu escritório contábil.

Porque o planejamento estratégico depende dessa definição

O planejamento estratégico do escritório contábil é traçado no início das atividades, mas constantemente revisto. Afinal, ele possui um plano de ação com objetivos que, ao serem alcançados, abrem espaço para novos sonhos. Essa ferramenta fundamental na gestão de um negócio evita muitos problemas e conduz as ações do escritório.

Especialmente em momentos de crise econômica, vemos aumentar o número de negócios fechando em diversos segmentos. Mas em tempos normais, esse número também é considerável, e um dos motivos é a ausência de um bom planejamento. Em alguns casos, isso significa não definir objetivos e metas. Ou seja, não existe um ponto de chegada para o qual serão traçadas ações. O negócio fica “sem bússola em alto mar”.

E se você definir objetivos e metas e incluí-las em seu planejamento? Sua atuação será dinâmica e direcionada, o que aumenta a qualidade das ações de seus profissionais. As chances de chegar aos destinos fixados são muito maiores. Afinal, você poderá acompanhar e avaliar a caminhada do seu negócio, corrigindo rotas se necessário.

Não é difícil ver empresários contábeis traçando objetivos “maiores do que as próprias pernas”. Mas se existe planejamento, avaliação e controle do planejamento, logo eles perceberão o erro. Assim, poderão atuar o quanto antes para adaptá-lo e ajustá-lo. 

Tenha em mente que os ajustes no planejamento estratégico sempre serão necessários, porque definir objetivos e metas é algo constante. Da mesma maneira, esse ajuste também acontecerá diante de inovações e mudanças de ambiente e de mercado.

Porque o desempenho dos profissionais depende de objetivos e metas

Na hora de definir objetivos e metas, o empresário contábil também deverá fazer um plano de ação, que é parte do planejamento estratégico. Neste plano, os profissionais do escritório devem saber exatamente quais ações tomar e em qual prazo para que consigam atingir os objetivos. 

Essa definição também é importante para mensurar o desempenho e a produtividade do escritório e dos colaboradores. No entanto, acreditamos que definir objetivos e metas é fundamental para a motivação de sua equipe. Para cumprir metas de maneira assertiva, ela deve estar motivada, direcionada unicamente para isso. 

Algumas ações internas, como estabelecimento de recompensas, podem ser interessantes. Isso ajuda a gerar resultados mais positivos, gerando também maior lucratividade para o escritório contábil.

Quando o gestor consegue definir objetivos e metas com clareza para sua equipe, ele também pode demandar resultados e prazos com precisão e transparência. Afinal, tudo está bem desenhado para os profissionais, com bases sólidas, o que autoriza a cobrança de resultados. Mas, é claro, os prazos devem ser realistas, assim como a cobrança. Uma cobrança extrema e vazia não serve de nada!

Neste mesmo sentido, o gestor também usufrui de benefícios ao definir objetivos e metas. Por ter uma direção fixada, ocorrerá maior produtividade e engajamento dos profissionais com o trabalho e com suas atividades diárias. Isso porque eles sabem exatamente quais são as expectativas do gestor, podendo assim atuar com mais segurança e discernimento em suas ações para alcançar aquilo que foi estabelecido.

Em outras palavras, metas claras e estratégicas são aliadas da produtividade, da motivação e do engajamento dos profissionais, especialmente se vier o reconhecimento por parte do gestor. E, quando isso acontece, a equipe se une ainda mais, porque vê resultados em suas ações coletivas.

Porque objetivos e metas permitem a avaliação do negócio

Você consegue medir os resultados do seu escritório contábil? Tem o hábito de reavaliar constantemente seu planejamento estratégico? Se não consegue avaliar seu negócio, é sinal que a tarefa de definir objetivos e metas não foi tão bem feita.

As metas não são definitivas. A partir do momento em que se traça um objetivo, você, naquele momento, estabelecerá as melhores ações e seus prazos para atingi-lo considerando aquele contexto. Mas, de repente, aparece uma pandemia, uma inovação, uma mudança legislativa que altera a forma da atividade econômica. 

Diante das mudanças nos aspectos internos e/ou externos, você deve reavaliar suas metas para se certificar de que estão caminhando para o destino corretamente. E para analisar a efetividade da caminhada, você deve ter um cronograma de acompanhamento e controle. Não basta definir objetivos e metas. É preciso acompanhar as métricas de resultado.

Se não estiver saindo como o esperado, pense em novas direções. Metas específicas e realistas são fáceis de mensurar e sofrem menos alterações. Portanto, crie seu plano de metas, mas sempre pense em como medir os resultados, determinar prazos e criar recompensas.

Quais são os erros mais comuns cometidos por escritórios que não têm objetivos e metas bem definidos?

Quais são os erros mais comuns cometidos por escritórios que não têm objetivos e metas bem definidos?

Agora você percebeu que tem motivos suficientes para definir objetivos e metas para seu escritório contábil. Mas deve ficar atento aos erros comuns cometidos neste momento.

Não envolver todas as lideranças

Em seu escritório contábil, você deve ter um setor administrativo, outro setor de RH, um departamento de marketing. Mesmo em um pequeno escritório, há profissionais responsáveis pelas diversas tarefas da gestão contábil. Consideremos todos esses os líderes de seu negócio.

Na hora de definir objetivos e metas para seu escritório, é um grande erro deixá-los de fora. Isso porque cada setor deverá fixar suas próprias metas e as metas compartilhadas, com o adendo de que todas estarão alinhadas com a missão e a visão do negócio. Para cada meta, terá um responsável, que poderá atribuir ações à sua equipe. Se você deixa as lideranças de fora, há grandes chances de seu negócio “travar” por ineficiência. 

Definir objetivos e metas inatingíveis

Outro grande erro na hora de definir objetivos e metas é estabelecer algo inatingível. Isso só causará frustração à equipe, que se sentirá desmotivada para suas atividades. De acordo com o método SMART, criada por George Doran em seu artigoThere’s a S.M.A.R.T. Way to Write Management’s Goals and Objectives”, isso não é difícil de resolver. Basta definir objetivos e metas com seu método. Veja:

  1. Specific (específica): você deve estabelecer uma meta de forma clara, com ações precisas, para que não haja dúvidas.
  2. Mensurable (mensurável): sua meta deve ser quantificada de alguma maneira (quantidades, valores, percentuais etc.), o que também auxilia na hora de avaliá-la.
  3. Attainable (alcançável): suas metas podem, sim, ser desafiadoras, mas sempre realistas. Metas inatingíveis não trazem benefícios.
  4. Relevant (relevante): sua meta deve ser relevante e contribuir diretamente para alcançar o objetivo final, caso contrário ela não servirá de nada. Enxergue o contexto de seu negócio e veja se ela é realmente relevante.
  5. Time-Based (temporal): ter uma data limite para a meta se realizar é fundamental para que as ações da equipe e do gestor tragam resultados.

Desconsiderar a curva de maturidade do seu escritório contábil

Se você perguntar para um empreendedor apaixonado pelo que faz se o negócio dele é bom, é certo que falará maravilhas. O mesmo acontece com o empresário contábil. A paixão pela ciência da riqueza o fez abrir seu próprio negócio. Mas é preciso não cair no erro de achar que ele está sempre pronto para novos vôos.

E esse erro acaba aparecendo na hora de definir objetivos e metas. Muitos gestores não se perguntam se determinado crescimento é possível no prazo estabelecido. Outros desconsideram o mercado ou o próprio negócio, que pode não ser capaz de absorver uma grande demanda naquele momento.

Em outras palavras, é um erro crasso definir objetivos e metas que desconsideram a curva de maturidade do seu escritório contábil. Claro que suas metas podem e devem ser ambiciosas e arrojadas. No entanto, elas devem ser coerentes com o momento em que seu negócio está, para não dar “um passo maior do que as próprias pernas”.

E como saber se seu escritório é maduro? Seria aquele com anos de existência, com grande faturamento e grande cartela de cliente? Não exatamente. Essas seriam consequências da maturidade, que depende do seguinte:

  • Ser autoridade em seu nicho, de modo a ser considerado referência de atuação perante os concorrentes;
  • Saber utilizar as informações de sua área para crescer internamente e externamente;
  • Entender o mercado, suas atualizações e mudanças constantes.

Perceba que tudo isso envolve a capacidade do seu escritório contábil se destacar no mercado e lidar com desafios e mudanças. Se você ainda percebe que o negócio não está neste estágio, repense suas ações ao definir objetivos e metas.

Sempre estabeleça objetivos e metas atingíveis, mas fique atento para a zona de conforto. Pense em algo desafiador e possível. 

Definir objetivos e metas para seu escritório contábil de forma correta é fundamental para o sucesso do negócio. Eles fazem parte do planejamento estratégico, que guiará todas as suas ações por algum tempo. 

Por isso, o gestor deve ter clareza na hora da definição, sempre tendo em mente que o desempenho dos profissionais e do escritório depende disso. Com um bom controle e acompanhamento de métricas, temos certeza que você conseguirá realizar seus sonhos na Contabilidade.

Após aprender como definir objetivos e metas para o escritório contábil, que tal saber um pouco mais sobre empreendedorismo contábil? Veja nosso guia para quem quer crescer!

Deixe um Comentário

  • […] a sua situação neste momento, um dos pontos que merece bastante atenção no plano de negócios é definir os objetivos e metas da sua empresa […]

  • […] realmente vender contabilidade acima da média, é necessário ter objetivos que também estejam acima da […]

  • >
    >