O poder do sorriso: Suas vendas dependem do relacionamento com clientes

Publicado por Kadu em

Gosto muito de fugir dos padrões quando trago algum assunto para o blog. Infelizmente, dessa vez trarei um pequeno clichê. Mas um clichê muito bem colocado, um lugar comum que é muito válido para qualquer desenvolvimento empresarial. O relacionamento. 

Relacionar-se é algo intrínseco ao ser humano. Nós precisamos do contato e do desenvolvimento social. É o que constrói nossas concepções de verdade, nossas concepções culturais e nosso mindset.  Muitas pessoas, ao desenvolverem sua habilidade de empreender, se esquecem da capacitação social.  

Mas qual a relação disso com VENDAS? Eu digo: TODA RELAÇÃO POSSÍVEL! Não existe um fechamento comercial bem executado sem um RELACIONAMENTO.  

Ah, e vamos mais a fundo, quero tratar de um ponto importante de seu relacionamento com o cliente: O poder do sorriso! BEM CLICHÊ, mas desenvolvi toda minha cultura empresarial e meu mindset empreendedor com embasamento nessa teoria. E quero mostrar como ele pode afetar em cada ponto de suas vendas (com provas VIVAS).

Como um sorriso pode ser a chave para seu relacionamento com clientes?

Bom, antes mesmo de usarmos essa técnica para “ganhar” nossos clientesnós precisamos usar para nosso desenvolvimento profissional. Não existe nada mais frustrante do que odiar o que você faz. Precisamos formas de construir a realização profissional! 

Estar feliz com o que você está realizando é de extrema importância para que seu cliente sinta conexão.  

Satisfação é a palavra que melhor se enquadra para o que quero dizer. Você não precisa amar cada ponto e momento de trabalho, mas você precisa de satisfação (de sentir que seu trabalho muda algo para alguém. Mesmo que seja uma mudança básica). Busque sua motivação, sua satisfação para cada tarefa realizada. Assim, seu cliente sentirá sua presença com maior facilidade (e sua equipe também)! 

E onde esse fator implica diretamente com as vendas? Calma, vou trazer uma situação que vai te contextualizar muito bem! 

Quando um tom do “Olá” muda toda abordagem

Você já recebeu aquela ligação de telemarketing com um vendedor despreparado (e que odeia o que faz), tentando te empurrar a todo custo uma bonificação que você não precisa e não quer? 

Acredito que todos nós já passamos por isso em algum momento. É terrível! A desanimação é contagiante! 

Mas dessa vez eu quero contar sobre quando um telefonema me surpreendeu: 

Certo dia, durante uma viagem, recebi uma ligação (aquelas com DDD desconhecido que irritam qualquer um) e resolvi atender. Me assustei quando uma pessoa muito simpática me abordou com um “Fala Kaduu, como estão as coisas?”. A primeira coisa que me veio à mente foi: “Poxa, será que eu conheço esse cara?”, logo depois me toquei de que era uma ligação comercial. Lembro-me bem do nome do vendedor, era Márcio e ele me vendeu uma assinatura de revista que pago até hoje!(mesmo não lendo...) Ele me surpreendeu e me ganhou! 

O que eu quero que você absorva dessa história é simples! Uma abordagem e um contato repleto de simpatia consegue conquistar seu cliente! E não só no primeiro contato... Obviamente, esse não é o segredo de vender, mas faz uma diferença enorme. A energia no contato comanda a ligação, assim como o rapport. Nós precisamos mostrar a nosso cliente que estamos dispostos naquele momento, e que não estamos ali só para sugar cada centavo do bolso dele! Estamos ali para ajudá-lo a conquistar o sucesso!  

Energize-se, coloque um sorriso no rosto, guie seu cliente para o sucesso!

Conclusão:

O contato com seu cliente não pode ser frio! O seu contato com sua equipe não pode ser superficial! E você precisa estar bem consigo mesmo! 

O objetivo desse artigo é te mostrar que o processo comercial não se baseia só em vender ou ter um discurso muito bem estruturado. Você precisa de um desenvolvimento que vai além dos processos!  

Comece hoje sorrindo para seu negócio e para seus clientes. Veja como a diferença de resultados é absurda!  


Kadu

Especialista em Marketing de Conteúdos, SEO e redação. Apaixonado por música, pela Contabilidade e por um mundo melhor. Ativo na luta contra todas as chatices da vida.

>